Em parceria com a OIM, programa Salto Aceleradora abre inscrições para impulsionar MEIs venezuelanos e migrantes de países vizinhos ao Brasil

Inscrições para participar da iniciativa, gratuita e online, vão até 16 de junho

O Salto Aceleradora de Microempreendedores Individuais (MEIs), programa de desenvolvimento e motivação empreendedora, abre inscrições, nesta quinta (10), para a primeira turma focada em microempreendedores venezuelanos e migrantes de países vizinhos residentes da Grande Florianópolis (SC).

Com duração de dez semanas, o programa, realizado em parceria com a Organização Internacional para as Migrações (OIM) de forma gratuita e online, visa três objetivos principais: o autodesenvolvimento do empreendedor, o desenvolvimento do negócio e por fim, o crescimento do empreendimento. Os participantes recebem mentoria de profissionais e participam de oficinas e de laboratórios de prática.

A iniciativa é operada pela rede global de apoio a empreendedores Impact Hub Floripa e busca empoderar e levar dignidade para 60 pessoas que saíram de seus países em busca de melhores condições e oportunidades de vida. Por meio do aperfeiçoamento do empreendedorismo, o Salto surge como uma oportunidade para o progresso dos negócios e como uma possibilidade de apresentar uma rede de contatos que viabilize networking, parcerias e geração de renda.

“É com satisfação que a OIM apresenta a parceria com o Impact Hub, instituição que é referência consolidada em desenvolver capacidades para o empreendedorismo entre população em situação de vulnerabilidade. A metodologia Salto Aceleradora traz novas oportunidades de capacitação para o empreendedorismo com foco na autonomia de venezuelanos e migrantes em situação de vulnerabilidade”, explica a coordenadora de projeto da OIM em Santa Catarina (SC), Yssyssay Rodrigues. “A mentoria oferecida permitirá ainda a sustentabilidade das inciativas empreendedoras a longo prazo para uma integração econômica efetiva”, completa. 

Para apresentar o Salto Aceleradora de MEIs ao público venezuelano e para migrantes de países vizinhos do Brasil, a equipe realizadora do programa vai transmitir uma live em 15 de junho, às 19h, no link http://bit.ly/preestreiasaltooportunidades. O objetivo é dar mais detalhes sobre a metodologia do Salto e o impacto que ele pode gerar na vida desses MEIs. Além disso, é um espaço para conhecer melhor o público empreendedor beneficiário do projeto e para saber como o programa pode alavancar os resultados e a motivação de empreender em cada um.

A iniciativa é desenvolvida no âmbito do projeto Oportunidades, implementado pela OIM com o apoio financeiro da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID).

Para inscrições, acessar: http://bit.ly/saltooportunidades